27 fevereiro, 2011

Morre o escritor Moacyr Scliar


O escritor gaucho Moacyr Scliar, 63 anos, morreu na madrugada desse domingo de falência multipla dos orgãos. Ele estava internado desde 16 de janeiro, quando passou por uma cirurgia.
Scliar, autor de mais de 70 livros, se formou em medicina, especializando em saúde pública.

Meu primeiro contato com sua obra foi quando uma professora de literatura da faculdade sugeriu um trabalho sobre o livro "O Exército de um Homem Só", considerado uma das obras de ficção mais importantes da literatura brasileira, na década de 70.
Esse livro, conforme descrito na 4ª edição, é sobre "a saga de Birobidjan, um solitário pregador de um mundo melhor, seu louco humanismo, quixotesco, seus sonhos mágicos..." Desde então passei a admirar a obra de Scliar, que ocupou a cadeira nº 31, da Academia Brasileira de Letras, sendo eleito em 2003, obtendo 35 dos 36 votos.

KA./

Um comentário:

Tania disse...

Realmente uma pena... Mas, como disse Guimarães Rosa:




"As pessoas não morrem, ficam encantadas”.


Um abraço, Ka.